fechado
Consulta Pública nº 74 de 26/06/2019

CPAMP: Documentação técnica do GT Metodologia contemplando propostas de aprimoramentos tendo como base estudos realizados no ciclo 2018-2019

Documentação técnica GT Metodologia da CPAMP (ciclo 2018-2019): Mecanismos de Aversão ao Risco: CVaR + VminOp; Variabilidade Amostral; Volatilidade do CMO; Representação Hidrológica (Geração de Cenários)

Publicação no DOU em: 26/06/2019,
Prazo: 26/06/2019 à 15/07/2019
Número Processo: 48330.000298/2019-61
Área Responsável: Secretaria Executiva
ANEXOS
Download
Análise das contribuições à Consulta Pública MME n° 74/2019 Download
Relatório Técnico GT Metodologia CPAMP nº 04-2019: Análise de alternativas para mitigação da volatilidade do CMO-PLD Download
Relatório Técnico GT Metodologia CPAMP nº 05-2019: Representação Hidrológica Geração de Cenários Download
Relatório Técnico GT Metodologia CPAMP nº 06-2019: Volume Mínimo Operativo Download
Relatório Técnico GT Metodologia CPAMP nº 07-2019: Representação da Arvore de Cenarios e Variabilidade Amostral Download
Relatório Técnico GT Metodologia CPAMP nº 08-2019: Consolidação das propostas e Parametrização do CVaR Download
Tutorial - Como Contribuir Download
[CPAMP] Sumário Executivo: Relatórios Técnicos do GT Metodologia Download

  • Contribuído em 18/12/2019

    Contribuições ENGIE à CP MME nº 74/2019

    Contribuições da ENGIE à Consulta Pública relativa à documentação técnica do GT Metodologia da CPAMP que trata de aprimoramentos no Modelo NEWAVE”

    Justificativa da reprovação:

  • Contribuído em 18/12/2019

    Contribuição Eneva - CP 74/2019

    Contribuição Eneva - CP 74/2019 sobre "CPAMP: Documentação técnica do GT Metodologia contemplando propostas de aprimoramentos tendo como base estudos realizados no ciclo 2018-2019"

    Justificativa da reprovação:

  • Contribuído em 18/12/2019

    Contribuição Abraceel

    A Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel) apresenta contribuição à Consulta Pública nº 74 do Ministério de Minas e Energia, que discute a documentação técnica do GT Metodologia da CPAMP, contemplando propostas de aprimoramentos nos modelos de formação de preços.

    Justificativa da reprovação:

  • Contribuído em 18/12/2019

    Contribuições da Apine para a Consulta Pública MME 074/2019

    Contribuições da Apine para a Consulta Pública MME 074/2019 - CPAMP: Proposta de Aprimoramento dos Estudos realizados no Ciclo 2018-2019

    Justificativa da reprovação:

  • Contribuído em 18/12/2019

    Contribuição de FURNAS à CP 074/2019

    Em anexo a contribuição de FURNAS à CP 074/2019, que trata da divulgação da documentação técnica do Grupo de Trabalho de Metodologia da Comissão Permanente para Análise de Metodologias e Programas Computacionais do Setor Elétrico - CPAMP, que apresenta propostas de aprimoramentos baseados nos estudos realizados no ciclo 2018-2019, abordando os seguintes temas: Mecanismos de Aversão ao Risco: CVaR + Volume Mínimo Operativo; Variabilidade Amostral; Volatilidade do Custo Marginal da Operação; e Representação Hidrológica (Geração de Cenários).

    Justificativa da reprovação:

  • Contribuído em 18/12/2019

    Contribuição Ecom Energia

    Contribuição à Consulta Pública nº 74/2019 - Ecom Energia

    Justificativa da reprovação:

  • Contribuído em 18/12/2019

    CONTRIBUIÇÃO DA ABIAPE PARA A CONSULTA PÚBLICA DO MME Nº 074/2019

    A ABIAPE sustenta algumas preocupações em relação ao processo adotado e sumariza as contribuições conforme segue: o prazo de duas semanas foi insuficiente para analisar e levantar informações sobre os riscos da proposta apresentada. Deve-se buscar um prazo mínimo de 30 dias; os aprimoramentos propostos se mostram oportunos, mas vale enfatizar que as decisões devem se apoiar no equilíbrio entre segurança e preço; as dificuldades no gerenciamento do risco hidrológico podem ter diversas origens, como a pouca representatividade das séries de afluências e deficiências na modelagem de equipamentos. Para alcançar uma solução robusta, o diagnóstico adequado é indispensável. A inclusão do volume mínimo operativo e a realização de ajustes nos parâmetros do CVaR devem ser entendidos como paliativos para o problema ainda sem diagnóstico; e caso seja identificada a essencialidade do uso do volume mínimo operativo nesse momento, sugere-se que os parâmetros do CVaR sejam ajustados, preferencialmente para a=50 e ?=35.

    Justificativa da reprovação:

  • Contribuído em 18/12/2019

    Contribuição Grupo CPFL

    Grupo CPFL apresenta sua contribuição à CP MME 74/2019 - GT Metodologia CPAMP - PROPOSTAS DE APRIMORAMENTOS

    Justificativa da reprovação:

  • Contribuído em 18/12/2019

    Contribuição da EDP-Energias do Brasil à CP MME 74/19

    Através do presente documento, a EDP procura fazer uma análise dos principais aspectos que afetam a formação de preços e seus desdobramentos ao longo da cadeia de valor do setor elétrico, fazendo uma análise e se posicionando sobre as propostas apresentadas na presente CP MME 74/19, visando contribuir com a evolução dos modelos de planejamento energético do sistema elétrico brasileiro.

    Justificativa da reprovação:

  • Contribuído em 18/12/2019

    Contribuição SAESA para a CP MME 74-2019

    Deve ser mantida a atual metodologia de aversão à risco, e que haja um período de operação sombra de um ano completo (12 meses) com os valores desses mecanismos propostos, bem como dos demais aprimoramentos previstos, antes da tomada de decisão proposta nesta CP, de forma a se ter uma análise mais robusta, capaz de oferecer aos agentes subsídios para que estes possam melhor analisar e precificar os possíveis impactos, no sentido de não alterar substancialmente a tendência do PLD e a estabilidade do setor.

    Justificativa da reprovação:

  • Contribuído em 18/12/2019

    Contribuições da ABRAGE à CP MME 074/2019

    Contribuições da ABRAGE à CP MME 074/2019 - CPAMP: Documentação técnica do GT Metodologia contemplando propostas de aprimoramentos tendo como base estudos realizados no ciclo 2018-2019

    Justificativa da reprovação:

  • Contribuído em 18/12/2019

    Contribuição do Santander á Consulta Pública n° 74/2019

    Contribuição do Santander à Consulta Pública n° 74/2019 a respeito da Documentação técnica divulgada pelo GT Metodologia da CPAMP (ciclo 2018-2019): Mecanismos de Aversão ao Risco: CVaR + VminOp; Variabilidade Amostral; Volatilidade do CMO; Representação Hidrológica (Geração de Cenários)

    Justificativa da reprovação: