Secretário-executivo de Minas e Energia participa de certificação contra Aedes Aegypti

Vistoria realizada no sétimo andar do edifício libera segunda certificação verde

Publicação: 29/02/2016 | 14:18

Última modificação: 16/05/2016 | 09:48

Crédito: MME/ Francisco Stuckert

Como parte das ações de combate ao Aedes Aegypti, o secretário-executivo do Ministério de Minas e Energia, Luiz Eduardo Barata, participou nesta segunda-feira (29/02), do quarto dia da ação “Trabalhando sem Zika”, para vistoriar e certificar os departamentos do edifício. Após a apuração da vistoria do sétimo andar, Barata participou da entrega da segunda certificação verde do Ministério, que garante que o setor está livre de situações que possam abrigar o mosquito transmissor do zika, dengue e chikungunya. A iniciativa faz parte das ações que o setor energético-mineral está colocando em prática para prevenção e a eliminação de focos do mosquito.

“Essas ações são importantes para que os funcionários tenham consciência que precisamos combater esse mosquito em prol da nossa saúde. Essas ações também devem ser repassadas em nossas casas para que sirvam de incentivo, e assim tentarmos fazer uma ação conjunta”, destacou Barata.

As salas do sétimo andar foram minuciosamente examinadas por uma equipe de 27 pessoas divididas em dois grupos (que podem vistoriar os andares simultaneamente) composta por quatro brigadistas, oito funcionários de limpeza, quatro especialistas em manutenção de ar condicionado e seis de manutenção predial, além de cinco coordenadores. Foram examinados os equipamentos de ar condicionado, plantas, geladeiras e frigobares, cortinas, espelhos das tomadas e interruptores, forros, lixeiras, rodapés e até o espaço atrás do mobiliário. Durante a ação, responsáveis pela manutenção predial já realizaram os reparos necessários. Não foram encontradas larvas ou mosquitos.

As ações de limpeza e manutenção do prédio, garagem e entorno da sede do MME continuam em curso, com acompanhamento diário. Desde o início da campanha, com o convite do Ministro Eduardo Braga para que o setor adotasse o controle semanal das instalações das empresas e obras do setor, o MME vem dando o exemplo, com acompanhamento de todas suas instalações e entrega de relatório diário ao Ministério do Planejamento. Em todo o setor energético-mineral, mais de 90 mil funcionários das estatais do setor, além dos colaboradores e funcionários das empresas privadas de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica estão envolvidos na iniciativa, promovendo o combate em suas instalações.

 

Ascom/Layse Lacerda

Assessoria de Comunicação Social
Ministério de Minas e Energia
(61) 2032-5620/5588
ascom@mme.gov.br
www.mme.gov.br
www.twitter.com/Minas_Energia
www.facebook.com/minaseenergia